Foto: Reprodução/Apple Tomorrow
Apple marca lançamento do iPhone 13; veja resumo em 5 pontos

Entenda a expectativa em torno da nova leva de celulares da empresa da maçã.

Foto: Reprodução/Apple

A Apple surpreendeu ao enviar este convite em 7 de setembro, pleno feriado no Brasil, para um evento no dia 14.

Foto: Divulgação/Apple

Ainda assim, o cronograma faz sentido: a empresa costuma anunciar novos iPhones em setembro. A tradição foi quebrada em 2020 por causa da pandemia.

Foto: Reprodução/Unbox Therapy
1. Vêm aí mais quatro iPhones?

São esperados quatro novos modelos: iPhone 13, iPhone 13 Mini, iPhone 13 Pro e iPhone 13 Pro Max. Além disso, seriam mantidos os mesmos tamanhos de tela: 5,4, 6,1 e 6,7 polegadas.

Foto: Reprodução/Samsung

A Apple deve adotar a tecnologia Always On. Ela permite que a tela fique sempre ativa e exiba informações essenciais, como relógio e compromissos do dia. O Galaxy S7, da rival Samsung, já tinha o recurso em 2016.

2. Tela diferente
Foto: Divulgação/Apple

Também se fala sobre o retorno do Touch ID, o mecanismo de biometria por impressão digital que marcou os primeiros iPhones, mas que foi aposentado com a chegada do iPhone X. O atual iPad Air traz botão liga/desliga com este sensor.

3. Impressões digitais
Foto: Reprodução/Unbox Therapy

A câmera ultra wide pode ficar melhor na nova geração. Ela seria capaz de capturar imagens mais precisas. Os aparelhos da série Pro, voltados ao uso profissional, também podem receber recursos ainda mais sofisticados no campo da fotografia.

4. Fotografia melhor
Foto: Divulgação/Apple

As fábricas asiáticas devem produzir entre 90 e 100 milhões de unidades para o lote inicial do produto. Espera-se que elas cheguem aos EUA no fim do mês. O Brasil deve ficar numa segunda leva, prevista para outubro.

5. Produção já começou
Foto: Reprodução/Apple
A gente se vê!

O evento da Apple está marcado para 14 de setembro às 14h (horário de Brasília), com transmissão via internet. Fique ligado no TechTudo para acompanhar a cobertura completa.