Publicidade

Bastion

Baixar
  • Downloads

    -

  • Tamanho do download

    -

  • Licença

    -

  • Idioma

    -

  • Desenvolvedor

    Warner Bros. Interactive Entertainment

  • Lançamento

    -

  • Versão

    -

  • Requisitos mínimos

    -

Nossa opinião

9,5 Nota tt

Bastion é um jogo de RPG independente que, com sua história original contada de uma forma única, acabou por deixar a sua marca entre os melhores jogos indie já feitos, uma obra-prima composta por diversos mínimos detalhes.

  • Interface 10
  • Usabilidade 9
  • Performance 10
  • Funcionalidade 9

Fórum

Você ficou com alguma dúvida? Visite o Fórum TechTudo e peça ajuda para a comunidade.

Reconstrua o mundo em Bastion, um RPG de alta resolução

Bastion é um jogo indie de RPG com muita ação e aventura para Windows, Mac e Linux desenvolvido pela Supergiant Games (disponível para compra via Steam), onde o jogador vive “The Kid” (ou “a criança” ou “o garoto”, em português), um garoto solitário que explora as ruínas de um mundo devastado, enfrentando diversos inimigos em seu caminho até a última esperança de seu povo.

O jogo se passa nos resquícios da grande cidade de Caelondia, onde o garoto acorda depois do resultado da Calamidade, um evento que deixou a cidade em pedaços e matou a grande maioria de sua população. É então que o narrador da história, Rucks, conta a saga do garoto em busca dos “Cores”, para que possa ativar o Bastion (ou “Bastião”), a última esperança dos resquícios da civilização pós-calamidade.

A jogabilidade é bastante livre, e o mapa é visto de forma isométrica, de cima (porém, sem a possibilidade de rotacionar a câmera), dando espaço para que o jogador ande livremente pelo cenário do jogo. Enquanto o jogador anda, o mapa vai se formando e mostrando o caminho que ele deve seguir, e a cada ação realizada pelo usuário, o narrador reage de acordo, como se realmente estivesse contando a história do garoto nos mínimos detalhes.

Há uma grande variedade de inimigos e chefes (que têm nomes legais e, alguns, até uma pequena história, introduzida pelo narrador) pelo caminho do garoto, que possuem inúmeros padrões de ataque, exigindo do jogador um certo nível de habilidade para não ser morto com facilidade pelos oponentes.

Uma vez que o garoto chega ao Bastion, ele pode construir estruturas utilizando-se dos Cores, estruturas estas que servem para melhorar a eficiência do garoto, comprando novas armas, fazendo upgrades e recebendo recompensas por certos desafios que estão à sua disposição. Neste marco do jogo, também é possível fazer uso das “Skyways”, que são uma espécie de meio de transporte, levando o garoto para as locações subsequentes de sua jornada, e também para fases bônus (que premiam o jogador com upgrades).

Nossa opinião

Bastion é um jogo de RPG independente que, com sua história original contada de uma forma única, acabou por deixar a sua marca entre os melhores jogos indie já feitos, uma obra-prima composta por diversos mínimos detalhes.

O trabalho de arte conceitual realmente ganha vida em uma verdadeira aquarela de tonalidades que se espalham pelas fases do jogo, dando vida a um cenário desenhado à mão que se constrói diante dos olhos do jogador. Os efeitos são muito bem trabalhados, tornando a qualidade gráfica do jogo sensacional.

A jogabilidade é bastante simples, mas possui diversos elementos que podem deixá-la realmente desafiadora, agradando a jogadores iniciantes e experientes. Com uma grande variedade de armas disponíveis, cabe ao jogador decidir como avançar e montar a sua própria estratégia para vencer os inúmeros inimigos que aparecem no caminho do garoto.

Porém, o que torna Bastion um jogo excepcional não jaz em um belo trabalho de arte visual ou em uma jogabilidade espetacular (apesar de que o jogo se sai muito bem em ambos os quesitos), mas sim no trabalho feito em relação ao áudio.

A trilha sonora (que é original) é composta por um playlist de músicas inesquecíveis, que têm o poder de deixar o usuário completamente ambientado nas mais diversas áreas pelas quais o jogador passa, tanto em músicas instrumentais quanto em músicas com vocais impressionantes ao longo da jornada do garoto.

A narração do jogo é a grande jóia de Bastion. O narrador fala sobre absolutamente tudo no jogo, não só contando a trajetória do garoto, mas também a própria história do que aconteceu em Caelondia, além de histórias de background de inimigos locações, de uma forma tão incrível que deixa o jogador completamente imerso na trama em todos os momentos. Esta mesma narração também responde às ações realizadas pelo jogador, ao ponto de fazer uma piada se o usuário cai de uma plataforma e perde um pouco de sua vida.

Bastion é um grande título que, com certeza, promete roubar muitas e muitas horas do seu dia, horas estas que serão muito bem investidas em um dos melhores jogos indie já feitos.

Prós

  • Gráficos incríveis
  • Jogabilidade diversa e enredo envolvente
  • Trabalho de áudio excepcional

Contras

  • Scoreboards online não tão bons
  • Uma vez que o jogador termina, não é tão convidativo para continuar jogando
3 fotos
A Bandai Namco faz uma grande promoção na Xbox Live.
O TechTudo listou os 10 games indie mais bonitos para iPhone e iPad.
O TechTudo listou os 10 games indie mais bonitos para iPhone e iPad.
Depois da Sony, agora é a vez da Microsoft divulgar os números do seu serviço de distribuição de games digitais, o Xbox Live Arcade, em 2011. A lista dos dez jogos mais vendidos é bem diferente da lista da PSN, e a receita do XBLA cresceu em US$ 144 milhões este ano, quebrando seu próprio [...]
Os organizadores da premiação Game Developers Choice Awards (Prêmio da Escolha dos Desenvolvedores de Games) revelaram os finalistas para a edição deste ano. Entre os indicados, estão títulos como o game indie Bastion, The Elder Scrolls V: Skyrim, Batman: Arkham City, Portal 2, entre outros. As categorias variam entre melhor design, tecnologia, [...]
Um dos jogos mais interessantes já lançados em 2011 está ganhando uma versão para o Google Chrome. Trata-se de Bastion, que já foi lançado para PC e Xbox Live Arcade. O título chega ao navegador do Google através da nova tecnologia Native Client, que permite jogos de consoles possam rodar sem problemas em navegadores. Outro [...]
Claramente, Bastion é um dos melhores jogos lançados para Live Arcade no ano. Se você analisar o jogo pelos 30 primeiros minutos, você discordará completamente da minha opinião, sabe por quê? O jogo começa no meio do nada, com um narrador que lhe conta coisas em um universo que você não está situado e para piorar, mesclado com frases que não fazem o menor sentido.

Em breve!

Estamos providenciando conteúdo dessa página, aguarde.