Intel Extreme Masters

Intel Extreme Masters

OPINIÃO DOS USUÁRIOS

Saiba tudo sobre o circuito Intel Extreme Masters de CS:GO

Julio César Puiati
por Julio César Puiati em 27/04/2018 10h56

A Intel Extreme Masters (IEM) é um circuito de torneios de Counter-Strike disputado desde 2007. As temporadas são compostas por eventos itinerantes secundários e pelo evento fixo principal: o World Championship. Foram realizadas nove edições até o momento: seis de Counter-Strike 1.6 e três de Counter-Strike: Global Offensive. O IEM é conhecido pela importância no cenário competitivo do game desenvolvido pela Valve e pelo pioneirismo na organização de competições profissionais de esports.

História

O conjunto de torneios é organizado pela empresa Electronic Sports League (ESL) e patrocinado pela multinacional Intel Corporation. Ambas as instituições investiram recursos na criação dos campeonatos como forma de expandir os seus mercados para outros continentes. Desde então, a IEM reúne as melhores equipes de Counter-Strike do mundo. A extinta Pentagram G-Shock foi a grande campeã do primeiro evento em 2007. Já a Fnatic é a maior vencedora do circuito com nove títulos conquistados.

Temporada I

As equipes de Counter-Strike 1.6 disputaram apenas o IEM I World Championship na temporada de estreia. A competição aconteceu entre os dias 15 e 21 de março de 2007 em Hannover, na Alemanha. As oito organizações participantes foram divididas em grupos de quatro integrantes e os dois primeiros colocados avançaram para os playoffs.

A Pentagram G-Shock sagrou-se campeã do torneio após vitória sobre a H2k Gaming pelo placar de dois a zero. Estavam no elenco vencedor Jakub "kuben" Gurczyński, Mariusz "Loord" Cybulski, Łukasz "LUq" Wnęk, Filip "NEO" Kubski e Wiktor "TaZ" Wojtas. Os poloneses levaram para casa uma premiação de US$ 53 mil (cerca de R$ 186 mil).

Times participantes

Fnatic
H2k Gaming
Meet Your Makers
mousesports
Pentagram G-Shock
SK Gaming
Team ALTERNATE
Team Logitech

Temporada II

A segunda temporada foi composta por dois eventos: o IEM II Global Challenge Los Angeles (vencido pela Fnatic) e o IEM II World Championship. O campeonato mundial foi disputado entre os dias 6 e 9 de março de 2008 em Hannover, na Alemanha. As dez organizações participantes foram divididas em grupos de cinco integrantes e os três primeiros colocados avançaram para os playoffs.

A mousesports sagrou-se campeã inédita do torneio após vitória sobre a e-STRO pelo placar de dois a um. Estavam no elenco vencedor Antonio "cyx" Daniloski, Fatih "gob b" Dayik, Franz "gore" Burghardt, Navid "Kapio" Javadi e Manuel "Tixo" Makohl. Os atletas levaram para casa uma premiação de US$ 50 mil (cerca de R$ 175 mil em conversão direta).

A segunda edição do mundial marcou a primeira participação de brasileiros no circuito IEM. Bruno "bit" Lima, Thiago "btt" Monteiro, Olavo "cky" Napoleão, Lincoln "fnx" Lau e Wellington "ton" Caruso defenderam a MiBR durante o torneio. A campanha, no entanto, não foi boa. Os jogadores terminaram em quarto lugar no grupo A e não conseguiram se classificar para o mata-mata.

Times participantes

e-STRO
Excello
Fnatic
MiBR
mousesports
SK Gaming
Spirit of Amiga
Team ALTERNATE
Team ROCCAT
Virtus.pro

Temporada III

O terceiro circuito foi o mais extenso da história. A temporada foi composta por oito eventos: o IEM III Global Challenge Los Angeles (vencido pela SK Gaming), o IEM III Global Challenge Montreal (vencido pela Fnatic), o IEM III Global Challenge Dubai (vencido pela mousesports), o IEM III Asian Championship Finals (vencido pela e-STRO), o IEM III American Championship Finals (vencido pela brasileira MiBR), o IEM III Asian Championship Finals II (vencido pela wNv Teamwork) e o IEM III European Championship Finals (vencido pela mTw).

Já o World Championship foi disputado entre os dias 6 e 8 de março de 2009 em Hannover, na Alemanha. As 12 organizações participantes foram divididas em grupos de seis integrantes e os três primeiros colocados avançaram para os playoffs. A Fnatic sagrou-se campeã inédita do torneio após vitória sobre a Meet Your Makers pelo placar de 16-13. Estavam no elenco vencedor Patrik "f0rest" Lindberg, Patrik "cArn" Sättermon, Rasmus "Gux" Ståhl, Harley "dsn" Örwall e Christopher "GeT_RiGhT" Alesund. Os suecos levaram para casa uma premiação de US$ 50 mil (cerca de R$ 175 mil).

A MiBR voltou a participar do mundial. O remanescente Bruno "bit" Lima, junto dos reforços Raphael "cogu" Camargo, Carlos "KIKO" Segal, Renato "nak" Nakano e Guilherme "spacca" Spacca, amargaram outra eliminação precoce. Os jogadores terminaram em último lugar no grupo A e não conseguiram se classificar para o mata-mata.

Times participantes

AndThenSome
Crack Clan
Evil Geniuses
Fnatic
Gravitas Gaming
Meet Your Makers
MiBR
mTw
SK Gaming
Team ALTERNATE
WeMade FOX
X3O Gaming

Temporada IV

O quarto circuito foi o segundo mais extenso da história. A temporada foi composta por sete eventos: o IEM IV Global Challenge Gamescom (vencido pela mousesports), o IEM IV Global Challenge Chengdu (vencido pela SK Gaming), IEM IV Global Challenge Dubai (vencido pela Fnatic), o IEM IV American Championship Finals (vencido pela Evil Geniuses), o IEM IV European Championship Finals (vencido pela mousesports) e o IEM IV Asian Championship Finals (vencido pela WeMade FOX).

Já o World Championship foi disputado entre os dias 6 e 8 de março de 2010 em Hannover, na Alemanha. As 12 organizações participantes foram divididas em grupos de seis integrantes e os três primeiros colocados avançaram para os playoffs. A Natus Vincere sagrou-se campeã do torneio após vitória sobre a Fnatic pelo placar de dois a zero. Estavam no elenco vencedor Sergey "starix" Ischuk, Arseniy "ceh9" Trynozhenko, Danylo "Zeus" Teslenko, Yegor "markeloff" Markelov e Ioann "Edward" Sukhariev. Os ucranianos levaram para casa uma premiação de US$ 50 mil (cerca de R$ 175 mil).

Times participantes

compLexity Gaming
Evil Geniuses
Fnatic
Frag eXecutors
Meet Your Makers
mousesports
Natus Vincere
mTw
oXmoze
Roskilde Ravens
SK Gaming
WeMade FOX

Temporada V

A quinta temporada foi composta por quatro eventos: o IEM V Global Challenge Shanghai (vencido pela Fnatic), o IEM V American Championship Finals (vencido pelos brasileiros da compLexity Gaming) e o IEM V European Championship Finals (vencido pela Fnatic). Já o World Championship foi disputado entre os dias primeiro e cinco de março de 2011 em Hannover, na Alemanha. As 12 organizações participantes foram divididas em grupos de seis integrantes e os três primeiros colocados avançaram para os playoffs.

A Natus Vincere sagrou-se bicampeã do torneio após vitória sobre a Frag eXecutors pelo placar de dois a zero. Estavam no elenco vencedor os mesmos campeões da edição anterior: markeloff, Edward, starix, Zeus e ceh9. Os ucranianos levaram para casa uma premiação de US$ 30 mil (R$ 105 mil).

A quinta edição do circuito IEM marcou a volta dos brasileiros ao cenário. Bruno "bit" Lima, Bruno "bruno" Ono, Gabriel "FalleN" Toledo, Lincoln "fnx" Lau e Renato "nak" Nakano defenderam a compLexity Gaming e conquistaram as finais americanas, mas não se classificaram para a disputa do campeonato mundial.

Times participantes

Evil Geniuses
Fnatic
Frag eXecutors
Lions eSportsKlubb
Moscow Five
mTw
Natus Vincere
playArt
redCode
SK Gaming
TCM-Gaming
Ultimax Gaming.tw

Temporada VI

A sexta e última temporada de Counter-Strike 1.6 foi composta por quatro eventos: o IEM VI Global Challenge Guangzhou (vencido pela Fnatic), o IEM VI Global Challenge New York (vencido pela SK Gaming) e o IEM VI Global Challenge Kiev (vencido pela Natus Vincere). Já o World Championship foi disputado entre os dias 6 e 10 de março de 2012 em Hannover, na Alemanha. As 12 organizações participantes foram divididas em grupos de seis integrantes e os três primeiros colocados avançaram para os playoffs.

A ESC Gaming sagrou-se campeã inédita do torneio após vitória sobre a bicampeã Na'Vi pelo placar de dois a zero. Estavam no elenco vencedor Jarosław "pashaBiceps" Jarząbkowski, Jakub "kuben" Gurczyński, Mariusz "Loord" Cybulski, Filip "NEO" Kubski e Wiktor "TaZ" Wojtas. Os poloneses ex-Pentagram G-Shock levaram para casa uma premiação de US$ 50 mil (cerca de R$ 175 mil).

A sexta edição do mundial contou novamente com a presença de brasileiros. Bruno "bit" Lima, Felippe "felippe1" Martins, Gabriel "FalleN" Toledo, Lincoln "fnx" Lau e Renato "nak" Nakano defenderam a semXorah durante o torneio. A campanha, no entanto, não foi boa. Os jogadores terminaram em penúltimo lugar no grupo B e não conseguiram se classificar para o mata-mata.

Times participantes

Anexis eSports
ESC Gaming
eSahara
Fnatic
Lions eSportsKlubb
Moscow Five
mousesports
Natus Vincere
semXorah
SK Gaming
Team WinFakt
TyLoo

Temporada X

A primeira temporada de Counter Strike: Global Offensive, após dois anos de hiato, foi composta por quatro eventos: o IEM X Gamescom (vencido pela Team EnVyUs), o IEM X San Jose (vencido pela Natus Vincere) e o IEM X Taipei (vencido pela The MongolZ). Já o World Championship foi disputado entre os dias 2 e 5 de março de 2016 em Katowice, na Polônia. As 12 organizações participantes foram divididas em grupos de seis integrantes e os três primeiros colocados avançaram para os playoffs.

A Fnatic sagrou-se bicampeã do torneio após vitória sobre os brasileiros da Luminosity Gaming pelo placar de três a zero. Estavam no elenco vencedor Robin "flusha" Rönnquist, Jesper "JW" Wecksell, Olof "olofmeister" Kajbjer, Freddy "KRIMZ" Johansson e Dennis "dennis" Edman. Os suecos levaram para casa uma premiação de US$ 104 mil (cerca de R$ 364 mil).

Composta por Gabriel "FalleN" Toledo, Fernando "fer" Alvarenga, Marcelo "coldzera" David, Lincoln "fnx" Lau e Epitácio "TACO" de Melo, a Luminosity fez grande campanha. Os brasileiros terminaram a primeira fase em primeiro lugar no grupo A e bateram a Na'Vi antes de alcançarem a grande final.

Times participantes

Astralis
E-Frag.net Esports Club
FaZe Clan
Fnatic
Luminosity Gaming
mousesports
Natus Vincere
Ninjas in Pyjamas
Tempo Storm
The MongolZ
Virtus.pro

Temporada XI

A oitava temporada foi composta por dois eventos: IEM XI Oakland (vencido pela Ninjas in Pyjamas) e o World Championship. O campeonato mundial foi disputado entre os dias 1° e 5 de março de 2017 em Katowice, na Polônia. As 12 organizações participantes foram divididas em grupos de seis integrantes e os três primeiros colocados avançaram para os playoffs.

A Astrailis sagrou-se campeã inédita do torneio após vitória sobre a FaZe Clan pelo placar de três a um. Estavam no elenco vencedor Peter "dupreeh" Rothmann, Nicolai "dev1ce" Reedtz, Andreas "Xyp9x" Højsleth, Markus "Kjaerbye" Kjærbye e Lukas "gla1ve" Rossander. Os dinamarqueses levaram para casa uma premiação de US$ 104 mil (cerca de R$ 364 mil).

FalleN, fer, coldzera e TACO, desta vez reforçados por João "felps" Vasconcellos e defendendo a SK Gaming, voltaram a disputar o mundial da IEM. Os brasileiros terminaram a campanha em último lugar no grupo B, não conseguiram a classificação para o mata-mata e deram adeus mais cedo à competição.

Times participantes

Astralis
Cloud9
FaZe Clan
Fnatic
Immortals
Heroic
Natus Vincere
Ninjas in Pyjamas
North
OpTic Gaming
Virtus.pro

Temporada XII

A nona temporada foi composta por três eventos: IEM XII Oakland (vencido pela Ninjas in Pyjamas), IEM XII Sydney (vencido pelos brasileiros da SK Gaming) e o World Championship. O campeonato mundial foi disputado entre os dias 27 de fevereiro e 4 de março de 2018 em Katowice, na Polônia. As 16 organizações participantes foram divididas em grupos de oito integrantes e os dois melhores colocados avançaram para os playoffs.

A Fnatic sagrou-se tricampeã do torneio após vitória sobre a FaZe Clan pelo placar de três a dois. Estavam no elenco vencedor Freddy "KRIMZ" Johansson, Jesper "JW" Wecksell, Robin "flusha" Rönnquist, Maikil "Golden" Selim e Jonas "Lekr0" Olofsson. Os suecos levaram para casa uma premiação recorde de US$ 250 mil (cerca de R$ 875 mil).

Os brasileiros da SK Gaming participaram do torneio, mas não conseguiram se classificar para o mata-mata. FalleN, fer, coldzera e TACO, desta vez sob a companhia do novo integrante Ricardo "boltz" Prass, venceram a AVANGAR no primeiro round por 16-10, mas foram eliminados logo em seguida pela Astralis.

Times participantes

Astralis
AVANGAR
Cloud9
FaZe Clan
Fnatic
G2 Esports
Gambit Esports
Heroic
Ninjas in Pyjamas
North
ORDER
Renegades
SK Gaming
Team Liquid
TyLoo
Virtus.pro

Fotos

ESL Pro League, ESL One: Belo Horizonte e ESL One: Cologne vão definir o vencedor da premiação
Com duas partidas decididas na prorrogação, FaZe e Astralis fizeram duelo emocionante na final do Intel Extreme Masters
Astralis, TyLoo, Renegades, Fnatic, FaZe e mousesports avançam para o mata-mata.
FaZe, MVP, NRG e Cloud9 também triunfaram; B.O.O.T e Order dão adeus à competição. Torneio volta às 23h desta quarta (2)
Torneio acontece entre os dias 1° e 6 de maio, na Austrália. Brasileiros da SK Gaming estão garantidos
Uma semana após a DreamHack Masters Marseille, torneio de CS:GO distribuirá US$ 250 mil em premiações, cerca de R$ 875 mil
Com vitória sobre a Splyce, a Team One está na última etapa classificatória para o evento principal da competição
Equipe brasileira garante vaga direta à campeonato que pagará US$ 250 mil ao campeão

Opinião dos usuários

Fórum

Intel Extreme Masters

Você ficou com alguma dúvida sobre Campeonatos ? Visite o Fórum TechTudo e peça ajuda para a comunidade.

Você vai gostar

Veja tudo sobre Campeonatos