Team Liquid (CS:GO)

Team Liquid (CS:GO)

OPINIÃO DOS USUÁRIOS

Conheça a Team Liquid, time norte-americano de CS:GO

Julio César Puiati
por Julio César Puiati em 14/01/2019 16h19

A Team Liquid é uma organização norte-americana de esports com line ups em diversos jogos competitivos, como no CS:GO. O elenco atual do time no Counter-Strike: Global Offensive conta com o in-game leader Nicholas "nitr0" Cannella, o entry fragger Jonathan "EliGE" Jablonowski, o AWPer Russel "Twistzz" Van Dulken e o lurker Keith "NAF" Markovic, além de Jacky 'Jake' "Stewie2K" Yip. Os brasileiros Epitácio "TACO" de Melo (suporte) e Wilton "zews" Prado (técnico) passaram pela line up em 2018.

História

Fundada em 2000, na Holanda, a Team Liquid remete suas origens ao game Starcraft II. Com o respectivo sucesso da line up criada para o game da Blizzard, a organização decidiu expandir negócios para outras modalidades. Em janeiro de 2015, portanto, nascia o primeiro time de CS:GO da org. Damian "daps" Steele, Keith "NAF" Markovic, Eric "adreN" Hoag, Nicholas "nitr0" Canella e Jacob "FugLy" Medina, na época jogadores da Denial eSports, foram contratados para dar início ao projeto. Matt "Warden" Dickens, ex-compLexity, foi escolhido para treinar o quinteto.

Inconstância

Entre altos e baixos, a Team Liquid apresentou performances inconstantes nos primeiros meses. A equipe alcançou resultados expressivos em 2015, como os vice-campeonatos da HTC Reborn Invitational e do iBUYPOWER Invitational – Summer, mas também deixou a desejar em outras competições. O último lugar na CS:GO Championship Series: Season 1 – Group Stage é o grande exemplo da motanha-russa que foi o elenco. Os ventos só soprariam a favor da organização com a chegada de Spencer "Hiko" Martin.

No alto do pódio

Com Hiko e Jonathan "EliGE" Jablonowski no esquadrão, a Liquid melhorou o seu jogo. Os norte-americanos herdaram as vagas deixadas por daps e NAF, conquistaram dois títulos seguidos ainda em 2015 e apresentaram boa evolução tática. Nos dois majors faturados (CS:GO Championship Series: Season 1 e iBUYPOWER Invitational Fall) a organização europeia encontrou pelo caminho os brasileiros da Luminosity Gaming, que na época eram representados por Gabriel "FalleN" Toledo, Fernando "fer" Alvarenga, Marcelo "coldzera" David, Ricardo "boltz" Prass e Lucas "steel" Lopes. A Liquid também conquistaria a ESL ESEA Pro League Season 2 – North America pouco tempo depois.

Hiato sem títulos

Se o final de 2015 foi um período de glórias para a Team Liquid, 2016 foi um ano tenebroso. A organização holandesa não conquistou sequer um título no circuito profissional de CS:GO, mas ao menos bateu na trave em duas ocasiões. Os vice-campeonatos da iBUYPOWER Invitational Spring, da ESL One: Cologne e da CyberPowerPC Summer Pro Series salvaram a temporada de um completo desastre. Foram 22 torneios disputados – entre minors, majors e premiers – e nenhuma taça levantada. Nem a chegada do craque Oleksandr "s1mple" Kostyliev, atual AWPer da Natus Vincere, conseguiu mudar o cenário de incertezas que pairou sobre a equipe.

A história se repete

O ano de 2017 foi, novamente, decepcionante. Após 30 torneios disputados na temporada, a Team Liquid não faturou nenhuma competição relevante no cenário. A história se repetiu quanto aos vice-campeonatos: foram três segundos lugares (ESL Pro League Season 5 – North America, ESG Tour Mykonos e  ESL One: New York). A trajetória inconsistente só seria deixada para trás em novembro. Com Peter "stanislaw" Jarguz, Josh "jdm64" Marzano e Russel "Twistzz" Van Dulken na line up titular, a Liquid sagrou-se vencedora do Americas Minor Championship Boston.

Finalmente, regularidade

O ano de 2018 parece ter feito bem à equipe de raízes europeias, pois a Team Liquid voltou a ser temida no circuito profissional de CS:GO novamente. A diretoria dispensou alguns atletas do antigo elenco, apostou no retorno de Keith "NAF" Markovic e tirou o brasileiro Epitácio "TACO" de Melo da badalada SK Gaming. Cada vez mais entrosado, o novo quinteto da Liquid iniciou uma escalada, conquistou o título inédito da ESL Pro League Season 7 – North America, alcançou a terceira colocação do ranking HLTV e finalmente deslanchou.

Ex-jogadores

Damian "daps" Steele

Kyle "flowsicK" Mendez

Michael "miKnutty" Vitaterna

Jacob "FugLy" Medina

Eric "adreN" Hoag

Kenneth "koosta" Suen

Oleksandr "s1mple" Kostyliev

Spencer "Hiko" Martin

Jacob "Pimp" Winneche

Peter "stanislaw" Jarguz

Lucas "steel" Lopes

Josh "jdm64" Marzano

Epitácio “TACO” de Melo

Principais títulos

CS:GO Championship Series: Season 1 – Group Stage (2015)

iBUYPOWER Invitational 2015 – Fall (2015)

ESL ESEA Pro League Season 2 – North America (2015)

cs_summit 2 (2018)

ESL Pro League Season 7 – North America (2018)

Fotos

Flamengo e Team Liquid: equipes ganharam fama de vice-campeãs
Flamengo está entre 'vices dos esports'; veja times que perderam finais
Organizadores prometeram enviar o troféu ao time assim que ele for encontrado
Norte-americanos deram fim a hegemonia de 406 dias dos dinamarqueses no topo; FURIA sobe para a 11ª posição
FURIA Esports x Team Liquid: equipe brasileira perde para norte-americanos nas semifinais
MIBR vs Liquid: equipes repetem final da quarta semana, novamente com vitória brasileira
MIBR vs Team Liquid: brasileiros derrotam equipe norte-americana por 2-0
Em série com cinco jogos, Team Liquid foi superior no final e levou a taça na Austrália
MIBR vs Liquid: brasileiros perdem vaga na final do campeonato na Austrália
MIBR terminou o torneio na terceira colocação; veja tabela final da BLAST Miami 2019
Elenco brasileiro conseguiu vencer Astralis e Cloud9, mas perdeu último jogo e ficou em terceiro na classificação
Baixar para baixar
mais infos +

downloads

tamanho do download

Licença

Idioma

Desenvolvedor

Valve

Opinião dos usuários

Fórum

Team Liquid (CS:GO)

Você ficou com alguma dúvida sobre Times ? Visite o Fórum TechTudo e peça ajuda para a comunidade.

Você vai gostar

Veja tudo sobre Times